Buscar

Águas de São Sebastião da Grama antecipa inauguração da Estação de Tratamento

Atualizado: Ago 18

Unidade faz parte das obras previstas no contrato de concessão e custou cerca de R$ 5 milhões. ETE deve tratar 100% dos dejetos produzidos na cidade até setembro de 2018.

A concessionária Águas de São Sebastião da Grama inaugurou na última sexta-feira (18) a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) São Sebastião da Grama. A unidade fica no Distrito Industrial UNINORTE e faz parte das obras previstas no contrato de concessão firmado em setembro de 2016, cuja operação teve início em outubro daquele ano.


A estação custou cerca de R$ 5 milhões e vai receber o esgoto que era despejado sem tratamento no rio Fartura. Os dejetos são transportados até a ETE por redes coletoras e estações elevatórias que estão sendo implantadas desde o início da concessão.

Uma cerimônia para oficializar a inauguração aconteceu às 17 horas, no local da estação, com representantes do Executivo, Legislativo, diretores do grupo Terracom/Perenge, colaboradores e também sociedade civil.

Para o diretor-presidente (consórcio Terracom / Perenge) Dr. Paulo Raposo a estação irá suprir a demanda do município “ A capacidade de tratamento da ETE supera as necessidades da população atual o que traz segurança quanto ao futuro. É a Concessionária cumprindo seus compromissos com a cidade”. Já para o prefeito, Dr. Ricardo Ribeiro Florido é o inicio de novos tempos “... ver o esgoto ser tratado, faz bem para o meio ambiente, além de atrair investimentos para nossa querida São Sebastião da Grama”. Na ocasião o presidente da Câmara Municipal - Delloro Serafim destacou o avanço que isso representa não só para Grama, mas também para toda a região “... Hoje estamos vendo na prática o trabalho que a concessionária realizou em nossa cidade, tudo isso com prazo antecipado e com qualidade. O que antes nos preocupava agora é motivo de tranquilidade, estamos tratando nosso esgoto e preservando nosso principal rio, como deve ser feito”. E para fechar os discursos o diretor da região norte-leste, Carlos Eduardo Alves destacou a importância do capital humano “...nossos funcionários, prestadores e todos que dedicaram seu empenho tem parte neste momento tão importante para a história da cidade.” De acordo com a concessionária, a estação tem a capacidade de tratamento de vinte litros de esgoto por segundo e a expectativa é que a ETE trate de imediato 60 a 70% do esgoto produzido em São Sebastião da Grama. Em setembro, com a conclusão das obras de mais duas

elevatórias, a estação deve tratar sua totalidade.

Ao mesmo tempo, a concessionária Águas de São Sebastião da Grama honra seu compromisso com o meio ambiente e comemora a entrega antecipada em cinco meses da obra que resultará em mais qualidade de vida para a população local e para o meio ambiente melhorando substancialmente a qualidade das águas do Rio Fartura, manancial de abastecimento de outras cidades.


Dr. Paulo Raposo, diretor presidente da concessionária Águas de São Sebastião da Grama



Dr. Carlos Eduardo Alves, diretor da regional Norte-Leste da concessionária Águas

Momento do descerramento da placa inaugural

Estação elevatória





por// Vander Filho

Ricardo Florido, prefeito de São Sebastião da Grama — Foto: Bia Molina. Ricardo Florido, prefeito



de São Sebastião da Grama — Foto: Bia Molina

Dr. Ricardo Florido, prefeito de São Sebastião da Grama — Foto: Bia Molina


© 2019 - Agência RTV Press